BACIRO DJÁ DEMITIU OS DIRETORES-GERAIS DA RDN E DA TGB

BACIRO DJÁ TENTA PARAR TGB, MAS NÃO PODE CALAR A TV GUINÉ-BISSAU
Dança de cadeiras no sector da comunicação social guineense numa claro virtude da crise política vigente no país. 

A diretora-geral da Televisão da Guiné-Bissau (TGB), Paula Melo e o diretor-geral da Rádio Difusão Nacional (RDN), Muniro Conté, foram exonerados das suas funções, pelo novo Primeiro-ministro, Baciro Djá.
A decisão vem expressa no despacho nº 19/2015 de 24 de agosto do corrente ano. Efeito disto, foram designados provisoriamente, o Eusébio Nunes Correia, Coordenar da TGB e Califa Soares Cassamá, Coordenador da RDN, sujeitando-se após a constituição do novo governo, a deliberação do Conselho de Ministros.

Duas demissões que logo a priori deitaram a baixo a transmissão publica do debate em curso no parlamento.

Com a falta de transmissão da sessão de urgência o presidente de ANP, Cipriano Cassamá, manifestou isso com estranheza e pediu aos rádios privados de Bissau para a cobertura da discussão em curso nas Colinas de Boe.


NOTA: Para quem não conhece, a TGV é uma TV estatal do governo guineense e não se confunde com esta TV GUINE-BISSAU, que é uma instituição privada a serviço do povo da Guiné-Bissau, a qual não concorda com os rumos tomados pelo atual presidente, e não encobrirá qualquer possível má atuação do atual governo.

Seguir o despacho

 

http://www.rispito.com/2015/08/baciro-dja-demitiu-os-diretores-gerais.html?spref=fb